Projeto Café Clonal é implantado para atender pequenos produtores no Casulo

Projeto beneficiará 02 propriedades da comunidade Casulo. Os produtores receberam 7500 mudas clonadas que serão plantadas em 1,5 hectares.

Publicado em: 02/04/2018 ás 11:02:00

11 variedades de café clonal foram trazidas da Embrapa Café Ouro Preto Rondônia. As mudas serão plantadas no Projeto Casulo, nas propriedades do Srº Edmilson Alves da Silva e do Srº Francisco Moía Guedes Filho. São 11 variedades diferentes de café clonal, trazidas da Embrapa Café de Ouro Preto Rondônia. Ao todo serão plantados 1,5 hectares da cultivar soba supervisão e assessoria da EMPAER Unidade Santa Carmem e da Secretaria de Agricultura.

Eles serão plantados cerca de 1 metro entre um pé e outro e 2 metros entre uma carreira e outra que possibilita mais quantidade de pés plantados por hectare, o que proporciona maior colheita, conforme informou o Valtuir Vazatta, Diretor de Meio Ambiente.

Uma das variedades, o café conilon BRS Ouro Preto (Coffea canephora Pierre ex Froehner), a primeira cultivar lançada pela Embrapa é também a primeira de café conilon do Brasil a receber o Certificado de Proteção, concedido pelo Serviço Nacional de Proteção de Cultivares. 

 A BRS Ouro Preto é indicada para cultivo em sequeiro ou com irrigação complementar. Recomendada para cafeicultores de Rondônia e Mato Grosso, ela foi obtida pela seleção de cafeeiros com características adequadas às lavouras comerciais e adaptada ao clima e ao solo da região amazônica. A produtividade média da nova cultivar apresenta potencial de 70 sacas beneficiadas por hectare em lavouras de sequeiro, podendo chegar a 110 sacas com irrigação.

O café Conilon BRS Ouro Preto tem grãos com maior uniformidade de maturação, peneira média acima de 14, apresenta rendimento no beneficiamento acima de 52% e possui tolerância à ferrugem alaranjada.

 

Notícias relacionadas
Copyright © 2016 -Todos os direitos reservados
Prefeitura Municipal de Santa Carmem